11 de ago de 2013


arquivo pessoal



Você encontrou uma surpresa.
 Uma oportunidade de conhecer um lugar incrível.
 Em pouco tempo você começará a aprender muito sobre tudo o que deve viver nessa experiência. Mas saiba desde já: Não poderá ficar pra sempre. Mesmo que goste não poderá ficar.

 É uma grande chance de descobrir coisas de todos os tipos. Infelizmente o tempo em que vai ficar não há como saber. Pode ser um dia, alguns meses ou muitos anos. Mas você nunca vai saber.

Arquivo pessoal
Vai até achar que serão muitas décadas mas pode ser surpreendido a qualquer momento com a hora de ir embora.
Somente um conselho é importante:
Não perca tempo.
Brigas . Raiva. Para que? ...
Uma hora você vai embora. E só vai ter perdido tempo. Coisas ruins ou que possam fazer mal? Desvie delas. Saia. Vá para longe. Porque só vão roubar seu tempo. Você ficará preso, enrolado, envolvido e perderá mais tempo. E um dia quando você menos esperar: Acabou. Acabou seu tempo. Não adianta pedir mais 5 minutinhos para se despedir, nem 15 para pedir desculpas á alguém e nem 3 dias para ir visitar ou até mesmo voltar naquele lugar que você queria ter ido. Acabou mesmo. Não tem volta. O que ficou, ficou. O que viveu, viveu. Mas acabou. Espero que tenha aproveitado.

Mesmo que pense em uma próxima chance de conhecer tudo novamente, nem ela, nem essa, serão lembradas e sentidas depois. Ou você sente agora ou nem de se arrepender terá tempo. Diversifique suas experiências e aproveite para aprender. Não fique parado fazendo coisas repetidas. Só lembre do único conselho: Não perca tempo. A vida é essa. É essa mesmo. Sua chance foi assim, desse jeito que ela veio. É agora ou nunca mais.

  Dr. Paulo André Issa
médico psiquiatra
www . pauloandreissa .com .br
 
 
Sem comentários... Deixe o passado , ele passou!!
O futuro não nos pertence, ele ainda não aconteceu!! O presente é agora nessa grande intersecção entre passado e futuro. O momento que escrevi a primeira palavra desse pequeno texto era o presente, agora que estou escrevendo exatamente essa PALAVRA, já é o presente que era futuro e que se transformou em passado. Ah!! O tempo...
 Vamos viver, simplesmente viver!!! Sem mágoas, arrependimentos, com a sensação de que fizemos o melhor ...
Paz e luz!!
Judi Menezes